José Ruy Gandra

José Ruy Gandra

Jornalista

Seu carro-chefe é a palestra "A Reinvenção Pessoal – Estratégias para enfrentar os momentos confusos, difíceis e dolorosos de sua vida e carreira". Nela discute como devemos nos posicionar e agir diante das transições marcantes em nossas vidas (como demissões, perda de oportunidades no emprego, dificuldades financeiras, desencanto com o próprio trabalho, mudanças de cargo, empresa, cidade ou país, perdas de pessoas próximas, separações e até casamentos). Discute a lógica das transições, cada vez mais intensas em nosso tempo, e como nos reinventarmos, pessoal e/ou profissionalmente, fortalecendo-nos na adversidade e dando um novo impulso a nossas vidas pessoal e profissional, dentro e/ou fora das empresas.

José Ruy Gandra é formado em Direito (USP) e História (PUC-SP). É, também, um jornalista com passagens marcantes pelo jornal Folha de São Paulo e pelas revistas Veja São Paulo, Exame, Playboy, VIP, Viagem & Turismo e National Geographic Brasil, que editou ou dirigiu. Gandra é um observador admirável da alma, do comportamento e das relações humanas. É, também, autor do best seller Coração de Pai – Histórias sobre a arte de criar filhos. Nele, narra os impactos e transformações que a paternidade trouxe à sua vida. A obra cumpriu seu propósito de reaproximar Paulo e Pedro, seus dois filhos – irmãos separados por 13 anos de idade, frutos de casamentos diferentes e donos de temperamentos distintos.

Seis meses após o seu lançamento, porém, Paulo, o primogênito, faleceu subitamente, aos 28 anos. Gandra transpôs ao livro essa perda e a sua singular relação com seu neto Rodrigo, que tinha apenas oito meses por ocasião da morte do pai. O resultado é um relato emocionante e de altíssima voltagem poética. Inicialmente, Gandra encontrou nas palestras um veículo para propagar o otimismo diante das adversidades da vida. Suas reflexões posteriores, porém, levaram-no a desenvolver apresentações sobre a importância dos valores familiares na construção de personalidades mais positivas nas carreiras e de ambientes corporativos mais saudáveis.

Com o tempo, Gandra, aprofundou-se nos efeitos da confluência de nossa mentalidade latina com o modelo organizacional anglo-saxão e os impactos resultantes dessa sobreposição, tanto nas pessoas quanto nas empresas. Sua premissa é a de que o conhecimento desse contexto histórico e suas nuances contribui para o crescimento individual, a coesão das equipes e uma melhoria sensível dos climas organizacionais.